terça-feira, março 30, 2010

O Aroma

Sem título

(Ilustração de Manuela Pontes retirado do livro "Seios Ilhéus")


O Aroma*


O aroma sabe a zigue-zague
Os sentidos aguardam o silêncio.
Inspira-se um gesto
Os lábios acariciam ao de leve
A porcelana fina de café.
Sorve-se com divina lentidão
Como a seiva libertada de tantos seios da Ilha.
Sem dúvida… é de São Tomé.

*António Bondoso*
*(poeta santomese; do livro “Seios Ilhéus”)

Sem comentários: