segunda-feira, abril 03, 2006

A tua ausência

“Regressando a casa”
(Ilha de Moçambique, 2004, foto de Dawany, Maputo)
.

A TUA AUSÊNCIA*

Em teu olhar aprendi a sonhar
Em teu corpo aprendi a amar
Nas tuas lágrimas aprendi a chorar
Em teus lábios aprendi a falar
Em teus passos aprendi a andar

Foste mãe, amiga e namorada...
Foste sonho, alegria e esperança...
Foste tudo para mim... que me esqueci de ser teu
E foi assim que o nosso sonho morreu
Como o sol se rendendo ao mar.

Ensinaste-me a viver
Ensinaste-me a idolatrar-te... Rainha!
Mais jamais ensinas-te a esquecer-te
E muito menos a perder-te.

E agora sonho que me amas
Choro a tua ausência
Dedilho em ritmo de desespero
A tua presença
Canto, grito, falo...
Mas nada trará a alegria de teu sorriso
E ninguém saberá pintar o sol como tu!
.
*Eusébio Sanjane*
*(nova poesia moçambicana (n.1988), editou "Rosas e Lágrimas”, sob a chancela da Ndjira, e foi vencedor, em 2005, do Prémio Especial Jovem “Il Convivio 2005”, da Academia Internazional Il Convivio, na secção “Jovens em língua estrangeira”, em Sicília, Itália)

Sem comentários: