domingo, março 21, 2010

Desejos

"Três Filósofos"

(Acrílico sobre Tela de Jayr Peny; daqui)


Desejos*


Queria ser um poema lindo

cheirando a terra

com sabor a cana


Queria ver morrer assassinado

um tempo de luto

de homens indignos


Queria desabrochar

— flor rubra —

do chão fecundado da terra

ver raiar a aurora transparente

ser r´beira d´julion

em tempo de são João

nos anos de fartura d´espiga d´midje


E ser

riso

flor

fragrante

em cânticos na manhã renovada


*Vera Duarte*

*(Poetisa cabo-verdiana; daqui)

1 comentário:

Bolg Universal disse...

vera duarte, gostei imenso do seu poema. viva! continue.


sandro feijó(poeta univesal)