quarta-feira, abril 25, 2007

… foi há 33 anos. Lembras-te?

"Porta-aviões na Praia Morena"
(Se ele falasse... Também aqui fui feliz! Uma das belíssimas fotos de
C.Pires sobre Benguela)

… foi há 33 anos. Lembras-te?*

Não te sinto poeta
Que matas a liberdade
Na saudade que é dor,
Diz-me qual a tua meta,
Se odeias a verdade
Se destróis o amor.

Vem como irmão eterno,
Põe nos versos o céu
E nos sonhos a prece,
Porque a vida é inferno
Que nesse teu véu
Se sente e transparece.

Fala-me do sorrido da lua
Nas noites do teu amor
De saudades sem fim,
Não penses na flor nua
Que em pedaços de dor
Murchou no meio do capim.

Fala das noites (perd)idas
Nas praias de Benguela
Com sonhos sem idade,
Fala das acácias floridas
E do alto da nossa favela
Olha e diz-me: Saudade.

… foi há 33 anos. Lembras-te?

*Orlando Castro*
*(jornalista, poeta e contista angolano-português; publicado inicialmente
aqui)

Sem comentários: